About Me

18/12/2019

#4 Resenha: Livro Tudo e Todas as Coisas

| |
Oi, tudo bem com você?
Já leu o livro "Tudo e Todas as Coisas"? Eu li e vou contar pra você o que achei, um romance com drama que me chamou muito a atenção quando vi uma resenha num blog, a resenha era do filme, mas quis ler o livro também. Vem comigo...
Resenha do livro de romance Tudo e todas as Coisas. Vem conhecer essa história de amor em meio aos problemas.


Titulo: Tudo e Todas as CoisasGênero: RomanceSinopse: A doença que eu tenho é rara e famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Não saio de casa. Não saí uma vez sequer em 17 anos. As únicas pessoas que eu vejo são minha mãe e minha enfermeira, Carla.Então, um dia, um caminhão de mudança para na frente da casa ao lado. Eu olho pela janela e o vejo. Ele é alto, magro e está todo de preto: blusa, calça, jeans, tênis e um gorro que cobre o cabelo. Ele percebe que eu estou olhando e me encara. Seu nome é Olly.
Talvez não seja possível prever tudo, mas algumas coisas, sim. Por exemplo, vou me apaixonar por Olly. Isso é certo. E é quase certo que isso vai provocar uma catástrofe.
"Minha doença é tão rara quanto famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo"
Você, sua casa, seus móveis e objetos, sua mãe, a sua enfermeira e mais nada, é isso que você tem a sua volta, é só isso com o qual você tem contato e é só isso que você vê além de alguns metros alem da janela e das paredes de vidros feitas especialmente para você. Imaginou isso em sua vida? Se não imaginou, faça isso. É isso o que Madeleine vive, ela tem uma rara doença sem cura chamada não sei o que e precisa viver longe de tudo la fora para não contrair uma simples bactéria que seja, poupando assim, a sua própria vida. 


A jovem que acaba de fazer 18 anos vive com sua mãe que cuida perfeitamente dela, sua enfermeira é uma grande amiga, sua vida tem a mesma rotina de sempre, até ele aparecer. Olly é seu nome e ele aparece do nada e se torna tudo.

"Achei essa nova parte de mim quando conheci ele. E a nova parte não sabe ficar quieta e só observar"

Com a presença de Olly, Maddy descobre coisas que vão além de sua compreensão, ela sente coisas que nunca sentiu e que de inicio, parece até uma grande loucura. 

O livro se desenvolve de uma boa maneira, que prende a atenção e faz com que se queira saber o que vem depois de cada página. Não é uma história clichê de uma pessoa doente, pelo menos não pra mim. Eu amei ler esse livro, com certeza essa é uma história que vou sempre me lembrar. Ele traz muitas coisas para se pensar, coisas que podem - ou não - fazer a diferença na sua vida.

E finalmente, a grande questão para você: Você colocaria a sua vida em risco por um grande amor?

Clique aqui para comprar o livro na Amazon e ainda ajudar este blog :)


Siga o blog para ficar por dentro de tudo
Nos acompanhe também pelas redes sociais:
                

11 comentários:

  1. oi!
    Eu adorei a dica :D a historia é bem interessante, vou colocar na lista de leitura ;)

    ResponderExcluir
  2. Eu li esse livro a uns dois anos atrás, bem antes de sair o filme e amei. Fiquei observada pela história e louca para ver o livro. Ahhh leia o outro livro da autora "O sol também é um estrela" e maravilhoso.

    ResponderExcluir
  3. Oi! Tudo bom?
    Esse livro fez muito sucesso na época, e vi muita gente falando bem do filme também. Fiquei com vontade de ler e vê o filme, mas acabei deixando um pouco de lado com o tempo. Quanto a arriscar minha vida por um amor... não. Não mesmo, hahaha.
    Literalize-se

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, estou bem e vc?
      Acho que eu tbm não arriscaria rs, mas acredito que esse seja o tipo de coisa que só vamos saber realmente nossa reação se passarmos pela situação rs

      Excluir
  4. Acredito que não colocaria minha vida em risco por amor igual a protagonista faz não. Gostei do livro, mas não curti muito a adaptação para o cinema. Não sei se você já leu o Sol também é uma estrela, ele é da mesma autora então se você curtiu esse, provavelmente vai amar esse.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não li não, mas já está anotado, obrigada pela indicação :)
      Eu também acredito que não me arriscaria tanto por amor, mas vai saber né rs

      Excluir
  5. Gosto do facto dessa história fugir aos clichés. Confesso que quando li "Não saio de casa. Não saí uma vez sequer em 17 anos" pensei que essa seria a vida perfeita para mim (desde que tivesse todos os livros que quisesse ler). Gostei dessa resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece ótimo mesmo, pra alguns, mas acredito que em algum momento sentiríamos vontade de ter algo la de fora que só saindo seria possível rs.

      Excluir
  6. Esse livro foi uma das melhores leituras que fiz na vida. Fiquei viciada. Tão bem escrito que faz a gente ficar desesperado com a situação da Maddy

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir

Gostou do post? Deixe ai seu comentário pra eu saber sempre no que melhorar e o que você quer de novo aqui no blog.